quinta-feira, 14 de abril de 2011

Ser feliz é tão complicado assim?





Tudo seria tão simples se não tornássemos a vida tão complicada, porque é isso mesmo, nós que complicamos a vida. Porque temos medo de “tudo”, medo de ser feliz, medo de não ser feliz, medo de não fazer o outro feliz, ou até mesmo medo de fazer o outro feliz e tudo acabar derepente. A gente complica tudo,quando deveria ser tão simples,tudo isso por conta do medo.
Muitas vezes nos escondemos, fugimos, porque a possibilidade da felicidade é boa e não queremos que ela acabe por isso temos medo e esse medo nos paralisa e nos impede de realizamos outros sonhos. Eu particularmente acredito na possibilidade de ser feliz, acredito que a vida vale a pena, e são justamente as coisas simples que fazem com que a vida valha à pena, e muitas vezes não vemos isso porque queremos intensidade em tudo. Queremos que tudo seja perfeito, não é suficiente estar com saúde, a gente quer mesmo é ser perfeito. Não importa ter um sapinho bonitinho,nós queremos o príncipe ( que cá entre nós ,só existe em contos de fadas),não basta ter um emprego que supra as nossas necessidades,queremos o melhor emprego,aquele com salário absurdo (E pra que, se não é a profissão que você sonhou?). Quando digo isso, não é porque gosto do comodismo, não,é bem ao contrario,odeio gente que se acomoda,  encosta-se no outro. Acredito de verdade que só é feliz aquele que sabe de suas limitações e não tenta atingir metas impossíveis para seja lá qual for o momento. Porque o que é impossível pra você hoje,pode muito bem se tornar possível amanhã,é só uma questão de tempo e paciência.
Sabe o que é certo mesmo? Não forçar a barra, cada um tem seu jeito, ninguém é igual, não existe padrões ou clichês para alcançar a felicidade. Há quem seja feliz porque é casado (a), há quem seja feliz porque estar solteiro (a), quem seja feliz porque acabou de ter um filho ou até quem seja feliz porque descobriu a profissão dos seus sonhos. Dá pra ser feliz de todo jeito,você só precisa se adequar e saber que imprevistos acontecem,que muitas vezes vamos perder coisas,pessoas ...e sei que isso dói .Você também não vai  querer acordar e encontra a felicidade como num café da manhã,não dá pra chegar na padaria e pedir 500 gramas de felicidade como se compra queijo.Até que seria bom se fosse assim,mas a gente não sabe de que lado vem a felicidade,só sabemos que mais cedo ou mais tarde ela vem,e se for pra escolher...que seja mais cedo.E quando ela (felicidade) chegar...pode não ser aquele turbilhão de sensações que você esperava,mas pode te trazer uma paz interior que você não tem noção.Porque ela pode estar onde você menos imagina,pode estar em um bichinho de pelúcia que você ganhou,em um telefonema inesperado,naquela conversa de horas,naquela gargalhada que você nem queria dá,mas por força das circunstâncias saiu...Ela pode estar nos seus amigos,em uma palavra de carinho,em ouvir sua música preferida,num céu azul ,em um beijo bom,um abraço acolhedor...
Ser feliz realmente vicia,quando você é feliz uma vez quer ser todos os dias,e só é bom porque termina pra depois começar de novo. É bom porque você sabe que não esta feliz, você sabe que é feliz, simples assim...

By: Binha Borges


4 comentários:

Uilma Simões disse...

"Não dá pra chegar na padaria e pedir 500 gramas de felicidade, como se compra queijo."
Infelizmente, não dá. Mas, por outro lado, é felizmente, porque é muito mais gostoso quando temos e vivemos uma felicidade merecida, batalhada.
Mas seria bom. Imagine, se um dia desses que acordamos putas com nós mesmos, e a solução estaria na esquina: chegava lá, comprava 250g de auto-estima, e já estava tudo certo...

Tá lindo no o blog, migs. Adorei!

Binha Borges disse...

hahahha...seria maravilhoso,ninguém sofreria mais...era só chegar e comprar: 500g de felicidade, 200g de gentileza, 1000kg de amor e ai por diante

Caleidoscópio. disse...

Pelo que entendi esse texto é de sua autoria. Certo? Parabéns, Binha! Sua capacidade de escrita impressiona!
Você tem razão, temos a estranha mania de complicar o que deveria ser simples... Destaco um fragmento do seu texto: "Porque temos medo de “tudo”, medo de ser feliz, medo de não ser feliz, medo de não fazer o outro feliz, ou até mesmo medo de fazer o outro feliz e tudo acabar derepente. A gente complica tudo,quando deveria ser tão simples,tudo isso por conta do medo".

Caso queira ler: http://daniellefreis.blogspot.com/2011/01/normal-0-21-false-false-false-pt-br-x.html É um texto de minha autoria e sua escrita me fez recordar do mesmo!
Continue escrevendo!
Abraços e obrigada pelo comentário que deixou no blog! Danielle Faria.

Binha Borges disse...

Certo! O medo as vezes é um obstáculo que nos impedi de realizar coisas...
Obrigada!
Volte sempre!
Dani

Postar um comentário